Governo está sendo derrotado nas redes sociais onde bolsonaristas atuam movidos pela fé e pelo ódio.

BRASÍLIA – AGENCIA CONGRESSO – Por mais que o governo Lula esteja trabalhando para remover a herança maldita do governo Bolsonaro, a impopularidade do petista é assustadora.

Devido a essa situação, o presidente Luiz Inácio Lula da Silvia (PT) chamou o marqueteiro da campanha dele das eleições de 2022, Sidônio Palmeira, para uma reunião, semana passada (14).

As pesquisas mostram que o governo é mal avaliado não apenas pelos evangélicos mas também pelos católicos.

E que a polarização política que se estabeleceu no país – também alimentada por petistas – prejudica mais Lula que Bolsonaro.

REDES SOCIAIS

Lula e seu governo são mais vulneráveis nas redes sociais, segundo mostram as pesquisas. Eles (PT e governo) perdem de lavada para os bolsonaristas que atuam movidos pela fé e pelo ódio.

Além do encontro com Lula, o marqueteiro também foi ao Planalto para reuniões com interlocutores do presidente e seus principais ministros.

A Agência Congresso apurou que o presidente pediu ao marqueteiro um diagnóstico e propostas para novas campanhas governamentais.

Em 2022, Sidônio foi chamado por Lula ainda na pré-campanha, em meio a críticas do PT sobre a condução da comunicação.