Presidente atendeu a pedido do deputado Evair Mello para visitar o ES

BRASÍLIA – AGENCIA CONGRESSO – As pesquisas eleitorais – não só a Ipec Rede Gazeta de 2 de maio – estão indicando queda do bolsonarismo no Espírito Santo.

Em 2018, o então candidato a presidente teve apoio de 63% da população capixaba, no segundo turno. No primeiro foram 54%.

Mas em maio deste ano o apoio caiu quase à metade, para 32%, enquanto Lula do PT teve 45%, de acordo com a Ipec.

A queda não é exclusividade dos capixabas. Dai as viagens Brasil a fora. Ao ES o presidente chega dia 28 de maio, e vai embora no dia seguinte.

Apesar de ser considerado um estado conservador, o ES elegeu o primeiro prefeito do PT no Brasil (Vila Velha), e o primeiro governador Vitor Buaiz.

O eleitor capixaba é antenado com os fatos nacionais. Votou contra o PT em 2018 devido a avalanche de informações sobre corrupção envolvendo o PT, Mensalão, Petrolão, Lava Jato.

Rejeição dos aliados

Mas a queda do bolsonarismo no ES não se limita ao desgoverno de Bolsonaro e as promessas não cumpridas. Outro fator é a baixa adesão de figuras locais com credibilidade política em defesa do presidente.

Seu principal cabo eleitoral, o ex-senador Magno Malta, é um dos políticos mais rejeitados do ES. O mesmo ocorre com Carlos Manato. Os dois foram derrotados em 2018.

O outro palanque palanque que deve apoiar Bolsponaro no ES, do presidente da Assembleia, deputado Erick Musso (PRB) ainda não disse a que veio.

VOTAÇÃO DE BOLSONARO EM 2018

Cidade Bolsonaro Haddad
Afonso Cláudio 63,57% 36,43%
Água Doce do Norte 46,98% 53,02%
Águia Branca 41,51% 58,49%
Alegre 58,26% 41,74%
Alfredo Chaves 78,79% 21,21%
Alto Rio Novo 46,09% 53,91%
Anchieta 63,79% 36,21%
Apiacá 54,18% 45,82%
Aracruz 62,81% 37,19%
Atílio Vivácqua 57,47% 42,53%
Baixo Guandu 64,25% 35,75%
Barra de São Francisco 56,45% 43,55%
Boa Esperança 48,64% 51,36%
Bom Jesus do Norte 58,43% 41,57%
Brejetuba 54,37% 45,63%
Cachoeiro de Itapemirim 75,27% 24,73%
Cariacica 60,41% 39,59%
Castelo 79,79% 20,21%
Colatina 72,35% 27,65%
Conceição da Barra 39,28% 60,72%
Conceição do Castelo 76,28% 23,72%
Divino de São Lourenço 62,41% 37,59%
Domingos Martins 76,73% 23,27%
Dores do Rio Preto 55,46% 44,54%
Ecoporanga 46,06% 53,94%
Fundão 57,51% 42,49%
Governador Lindenberg 51,64% 48,36%
Guaçuí 66,07% 33,93%
Guarapari 72,06% 27,94%
Ibatiba 68,15% 31,85%
Ibiraçu 65,51% 34,49%
Ibitirama 62,63% 37,37%
Iconha 69,16% 30,84%
Irupi 68,67% 31,33%
Itaguaçu 58,69% 41,31%
Itapemirim 67,82% 32,18%
Itarana 68,92% 31,08%
Iúna 68,91% 31,09%
Jaguaré 42,12% 57,88%
Jerônimo Monteiro 62,41% 37,59%
João Neiva 66,76% 33,24%
Laranja da Terra 63,84% 36,16%
Linhares 65,93% 34,07%
Mantenópolis 59,37% 40,63%
Marataízes 70,77% 29,23%
Marechal Floriano 70,82% 29,18%
Marilândia 66,51% 33,49%
Mimoso do Sul 50,31% 49,69%
Montanha 44,73% 55,27%
Mucurici 38,59% 61,41%
Muniz Freire 60,38% 39,62%
Muqui 56,29% 43,71%
Nova Venécia 55,75% 44,25%
Pancas 54,55% 45,45%
Pedro Canário 41,81% 58,19%
Pinheiros 41,10% 58,90%
Piúma 65,56% 34,44%
Ponto Belo 35,86% 64,14%
Presidente Kennedy 62,17% 37,83%
Rio Bananal 55,73% 44,27%
Rio Novo do Sul 75,23% 24,77%
Santa Leopoldina 56,79% 43,21%
Santa Maria de Jetibá 74,11% 25,89%
Santa Teresa 73,73% 26,27%
São Domingos do Norte 50,80% 49,20%
São Gabriel da Palha 61,52% 38,48%
São José do Calçado 51,23% 48,77%
São Mateus 52,13% 47,87%
São Roque do Canaã 66,70% 33,30%
Serra 58,28% 41,72%
Sooretama 50,87% 49,13%
Vargem Alta 77,23% 22,77%
Venda Nova do Imigrante 81,04% 18,96%
Viana 59,45% 40,55%
Vila Pavão 48,23% 51,77%
Vila Valério 44,23% 55,77%
Vila Velha 68,18% 31,82%
Vitória 63,19% 36,81%