- Publicidade -

VITÓRIA – Uma pesquisa eleitoral que teria sido contratada pelo candidato Lorenzo Pazolini (Republicanos) e que, segundo lideranças políticas, deve ser divulgada nesta quinta-feira (12/11), vai mexer com o mercado político.

A pesquisa foi feita pela Brand Consultoria Gestão Eireli, e deve indicar Pazolini, que é delegado de Polícia Civil licenciado, na liderança da disputa.

Entretanto, cruzamentos de dados da Justiça Eleitoral e do Diário do Poder Legislativo,  mostram relações políticas entre a Brand Consultoria, que consta na declaração oficial de gastos do candidato Pazolini, com pagamento declarado de R$ 75 mil reais.

A Brand registrou na Justiça Eleitoral na última sexta-feira (06/11) a pesquisa qualitativa telefônica para um universo de 500 entrevistados.

A estatística responsável pela pesquisa é Miriam Aparecida Ignácio de Almeida.

O Diário do Legislativo do dia 2 de outubro deste ano, páginas 4 e 5, mostra Miriam Aparecida Ignácio Almeida nomeada para o cargo em comissão de Assessora Júnior da Secretaria da Assembleia, ato 3519 assinado pelo presidente da Casa, Erik Musso (Republicanos). O salário dela é de R$ 3.170,99.

Roberto Carneiro, presidente estadual do Republicanos, mesmo partido de Pazolini e de Erik Musso, foi diretor-geral da Assembleia Legislativa até outubro de 2020.

Erik Musso e Roberto Carneiro são aliados de primeira hora do deputado Pazolini. Ambos foram as principais estrelas, por exemplo, da Convenção Municipal do Republicanos, que lançou Pazolini candidato. (foto).

Com informações do Blog do Elimar