Tribunal de Contas da União. Foto: Felipe Menezes/Metrópoles

BRASÍLIA – AGÊNCIA CONGRESSO – O Brasil tem tribunal demais, mais atrapalham do que ajudam. A declaração é do coordenador da Bancada Capixaba, deputado federal Da Vitória (Cidadania).

Vice presidente da Comissão da Reforma Tributária, ele acha acha que já passou o tempo dos tribunais no Brasil. Uma das metas da comissão é reduzir o tamanho do estado.

“Eu acho que tem que acabar um pouco com os tribunais no nosso País, é tribunal demais para pouca atividade. Se você precisa de alguém que atrapalhe de vez em quando pode contar com os tribunais”, disse para a Agência Congresso.

O deputado afirmou ainda que os magistrados e conselheiros do Tribunal de Contas da União (TCU), por exemplo, devem realizar a fiscalização, mas “ nem enfrentar as posições dos técnicos eles enfrentam”, disse.

Coordenador da Bancada Capixaba, deputado Da Vitória (Cidadania)


“No nosso estado temos uma lembrança muito negativa, seis anos que nós ficamos com as obras do aeroporto de Vitória parados, quatro anos da ordem de serviço do Contorno do Mestre Álvaro para liberar agora, um dia nós vamos mudar isso, e quem tem que mudar é o Congresso, o TCU é um exemplo disso”.

O parlamentar questiona a necessidade de tantos “cabeças” para pouca demanda. “Para que existe por exemplo um ministério do trabalho, com juízo de piso, tribunais nos estados, tribunais superiores? Só para atrapalhar, isso deveria estar vinculado à justiça comum, está na hora do Brasil enfrentar isso, cabeças demais para resolver pouca coisa”.

leia mais