A convite de Evair, Bolsonaro deve ir ao ES até 10 de novembro.

BRASÍLIA – AGENCIA CONGRESSO O presidente Jair Bolsonaro decidiu trocar os vice-líderes do governo na Câmara dos Deputados.

A lista de nomes foi publicada na edição desta quarta-feira (30) no “Diário Oficial da União”.  Os vice-líderes do governo são parlamentares escolhidos para representar os interesses do Executivo federal nas discussões e votações na Câmara.

Ao todo, há uma vaga para líder do governo na Câmara, cargo atualmente ocupado pelo deputado Ricardo Barros (PP-PR) e 12 para vice-líder. Desses, oito foram destituídos.

O capixaba Evair de Mello (PP), foi mantido como vice líder. Já a deputada Soraya Manato (PSL) não foi incluída na lista. Evair é hoje o principal aliado de Bolsonaro no Congresso.

“Sempre encarei a oportunidade como uma missão de servir ao meu País e abrir portas para o Espírito Santo. Tenho me preparado muito para enfrentar os desafios da pauta legislativa, prova disso que abri mão do conforto de ficar no estado e me apresentei em Brasília durante toda a pandemia. Estou num governo que acredito e confio desde a primeira hora”, disse Evair.

Da bancada capixaba, apenas ele (Evair) tem votado sistematicamente com o governo. Os deputados Amaro Neto (PRB) e Norma Ayub (DEM), também votam com o governo, mas eventualmente.

Da bancada de três senadores do ES, apenas Marcos do Val (Podemos) vota com o governo, eventualmente.

Visita de Bolsonaro agendada para o Espírito Santo até 10 de novembro