Deputado federal Amaro Neto (PRB)

BRASÍLIA – AGÊNCIA CONGRESSO – No mesmo dia em que a imprensa declarou sua intenção de disputar o governo do Estado em 2022, o deputado federal Amaro Neto (PRB-ES), o mais votado da bancada do ES para a Câmara, fez duras críticas ao governo que apoia no Congresso.

Durante a sessão no plenário da Câmara na tarde de hoje (20), falou com a Agência Congresso. O deputado reclamou que o governo Bolsonaro “não tem de planejamento estratégico”.

“O governo Bolsonaro até tem boas ideias, mas falta articulação, conversa e debate com o Parlamento, só assim dá para fazer o Brasil crescer”, disse o apresentador de TV que quase se elegeu prefeito de Vitória, e na última eleição para a Câmara teve mais de 180  mil votos.

Segundo Amaro, o Parlamento tem sido eficiente em sua atuação, mas o resultado poderia ser melhor se o governo articulasse com as Casas.

“A Câmara não dá trabalho para o Bolsonaro, por exemplo: para os leigos pode ter sido demorada a discussão da Reforma da Previdência, mas eu considero que foi rápido, em menos de seis meses passou pela CCJ, pela comissão especial e conseguimos aprovar uma matéria que causava muita divergência de opiniões no início”, disse.

Amaro Neto, que votou a favor da reforma, disse que “se o governo se envolvesse, a aprovação teria sido até mais rápida”.